Desconstruindo os mitos sobre o Islã

31
127

Ao passo que o terrorismo islâmico faz vítimas inocentes com uma frequência cada vez maior, muitas pessoas se calam diante das chacinas que agora consomem a Europa. Os motivos para tal negligência podem ser vários, mas costumam gravitar em torno de dois: a paralisia causada pelo politicamente correto ou os interesses obscuros.

Nas Américas, o discurso sobre os perigos sem precedentes do Islã ocorre, ainda que de forma desleal, visto que a população (mais uma vez) se vê contra a elite política/financeira e seus capangas: celebridades, artistas, ONGs, etc. Já na Europa, onde a censura é aplicada abertamente, é louvável observar que vozes, dentro e fora da política, estão se fazendo ouvir. Neste vídeo, Luca Donadel compartilha conosco algumas observações sobre o Islã, que valem a pena serem levadas em consideração.

Repare que Luca se diz ateu, mas mostra-se perfeitamente capaz de apontar os perigos do Islã sem praticar o discurso desonesto e infantil de que “todas as religiões são assim”, que significa nada mais que usar os corpos das vítimas assassinadas e suas famílias como ferramenta de promoção do seu ódio pelo cristianismo.

Tradução: cpac
Revisão: Hugo Silver

Apoie o nosso trabalho: http://apoia.se/tradutoresdedireita

TRADUTORES DE DIREITA
Webpage: http://TradutoresdeDireita.org
Facebook: http://facebook.com/tradutoresdedireita
YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCJqOdpqndf1MPequlvDgGkA
Twitter: http://twitter.com/tradutores_br

Vídeo original: https://youtu.be/fieiF2D_v_M

Youtube Tradutores de Direita

31 COMENTÁRIOS

  1. É incrível como a esquerda em si é contraditória.
    Reclamam do Temer, sendo que eles colocaram o próprio lá.
    Querem o comunismo no país pois são contra regimes totalitários.
    Pregam a pluralidade de ideias enquanto não aceitam um filme de ideais opostos. Vide o que aconteceu com o filme sobre Olavo de Carvalho.
    O Cristianismo é opressor e o Islã, a paz.
    Se vc perceber que como na Coréia do Norte, "deus" é o próprio Estado, como eles querem tanto o respeito ao Islã que possui um "deus"?
    E sinceramente, quando se pergunta em qual país o comunismo deu certo, eles mesmo não sabem responder, nem mesmo conseguem dar um argumento de fuga como: "O verdadeiro comunismo nunca deu certo" (argumento totalmente errado). Sinceramente esses revolucionários não são absolutamente nada intelectualmente. Não é possível tamanha ignorância e bestialidade, é literalmente inimaginável o que a burrice humana consegue fazer.

  2. MUÇULMANOS: enquanto eles forem minoria serão “pacíficos” para que você não se incomode com o aumento do número deles em seu bairro/cidade. Quando eles forem aumentando em número, construindo suas mesquitas, e recebendo privilégios especiais, tentando mascarar a verdade sobre o grande mal que é o islã, aí sim começarão com as manifestações, gritos de "implantação da Sharia" pelas ruas, desrespeitando a cultura local e seu povo, criando gangues de estupros, violência e intimidação. Suas famílias numerosas continuarão a missão de passar a ideologia “da superioridade do islã”, e seus filhos se tornarão Soldados de Alá por uma doutrinação de ódio a tudo que não é islâmico, com o objetivo de expandir o islã e subjugar os povos.

  3. Galera, alguém me dá dicas de como fazer um bom debate. Na minha sala a maioria são de esquerda e eu de direita, e eu quero saber debater com eles sem me esquecer do que falar. Ás vezes eu me esqueço, ás vezes eu me enrolo mas o que eu percebo muito é que eles sempre apelam pra uma frase: "Imagine se você é um…Muçulmano de bem, ou um cubano". Isso é em relação a barrar imigrantes ilegais, como muçulmanos, mexicanos ou cubanos e eu sou a favor de barrar os imigrantes ilegais mas tenho minhas duvidas. Quem puder me ajudar eu agradeço.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here