Relato de um médico ex-abortista

21
190

[Gostou de nosso trabalho? Considere uma doação: https://apoia.se/tradutoresdedireita]

Abortistas gostam de dizer “Meu corpo, minhas regras!” Só que não é o corpo delas, é o corpo de um bebê em formação. Os defensores do aborto também costumam falar que o feto não é uma vida ainda, no entanto, se por acaso uma única célula for encontrada em Marte, reconhecerão, junto com a comunidade científica, que há vida naquele planeta. “É só um amontoado de células!”, alguns bradam. Não somos todos nós amontoados de células? Vamos além: somos amontoados de átomos, e pelo que me consta átomos não têm vida. E agora? Os acólitos do aborto também reclamam quando dizemos que só é a favor do aborto quem já nasceu; o problema é que, até hoje, não vi a mentira nessa afirmação. Argumentam ainda que não há certeza sobre quando a vida começa, só que pegam essa suposta incerteza e a transformam em certeza absoluta de que ela só começa no momento conveniente para a agenda deles. Ou isso, ou assumem que podem de fato estar matando um ser humano e não dão a mínima.

Mas quer saber? Esqueça tudo isso acima. Se você tem plena consciência do que acontece num aborto e mesmo assim defende o procedimento, se você defende que pequenos bebês em formação sejam destroçados, muito provavelmente algo não vai bem com você. Fale em voz alta que defende a retalhação de pequenos bebês em formação e veja como se sente; encare as conseqüências de suas idéias.

Neste vídeo, um médico que fez 1200 abortos fala sobre o assunto. Está aí uma ótima oportunidade para reflexão. Se você é abortista, veja e pense seriamente. Sabemos que muitos que defendem o aborto o fazem sem entender realmente do que se trata, sem ter tido contato mais concreto com a questão.

Tradução: Yuri Mayal

TRADUTORES DE DIREITA
Webpage: http://TradutoresdeDireita.org
Facebook: https://facebook.com/tradutoresdedireita
YouTube: https://www.youtube.com/c/TradutoresdeDireita
Instagram: https://instagram.com/tradutoresdedireita
Twitter: https://twitter.com/tradutores_br
SoundCloud: https://soundcloud.com/tradutoresdedireita

Vídeo original: https://goo.gl/8GWu3g

Youtube Tradutores de Direita

21 COMENTÁRIOS

  1. Malditos abortistas! Se tem uma frase deles que eu odeio é: "meu corpo, minhas regras!" Isso prova a arrogância dessa raça maldita, pois mostra que eles querem ter o controle sobre a vida de um bebê, nem sequer dando-lhe a escolha sobre sua própria vida.

  2. a unica coisa boa que vi aqui… foi que nos comentários abaixo… todo mundo ficou chocado… assim como eu… ha tempos não sentia mais que as pessoas achavam isso terrível… e é muito, muito terrível. muito duro ouvir isso … esses relatos.

  3. Relato chocante. Qualquer pessoa séria que queira falar sobre o aborto deve ter conhecimento do que fora afirmado pelo médico. E se, ainda assim, a pessoa for a favor de um ato dessa natureza, já está oca, sem escrúpulo algum.

  4. Não sou de me impressionar fácil, mas foi de longe, o vídeo mais torturante que assisti até hoje. Quando ele descreveu a característica confirmatória de ter quebrado o crânio do bebê, senti um peso gigantesco no peito.

    Como alguém consegue fazer isso com uma criança (tanto o médico quanto a mãe) e seguir a vida como se nada tivesse acontecido?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here